Gerenciamento de Energia

gerenciamento de_energia

1. A EAS ENGENHARIA possui equipamentos de ultima geração para gerenciamento de energias elétricas e recursos de softwares para estudos dos resultados obtidos


2. Desenvolvendo atividades no ramo de Manutenção em cabine primaria, a EAS ENGENHARIA está apta a fornecer sugestões para você obter economia em sua conta de energia elétrica.

3. Redução de custos com economia de até 40 % em sua fatura, por meio de adequada gestão da energia elétrica consumida em sua empresa: Adequação do enquadramento tarifário ao perfil de utilização de energia eletrica de sua empresa.

Medidas de Redução de energia em até 25%......saiba mais >>>


SISTEMAS TARIFÁRIOS

O Setor Elétrico sofreu profundas mudanças na relação concessionária-consumidor, com a implantação da Resolução Nº 456 de 29.11.2000 da ANEEL - Agência Nacional de Energia Elétrica.

Apenas para você ter uma idéia, anteriormente :

Para se beneficiar de um dos Sistemas Horo-sazonais (Verde ou Azul) você precisava contratar no mínimo uma Demanda de 50 KW, agora, este limite diminuiu para 30 KW no Horário de Fora de Ponta e até zero para a Ponta;

Era levado em conta na definição da Demanda a ser Faturada no mês, 85% da maior Demanda ocorrida nos 11 meses anteriores, isto agora, não ocorre mais;

Você contratava apenas um valor de Demanda para todo o ano, agora você pode contratar várias e até uma pôr mês se for do seu interesse;

Tudo isto e muito mais, tornou interessante você redefinir qual o Sistema Tarifário conveniente para a sua empresa, afinal, os Sistemas aplicam valores diferentes de Tarifas de Consumo (kWh) e de Demanda (KW) que, se bem estudados, poderão reduzir significativamente o custo final da sua fatura de energia elétrica no final do mês.

ELIMINAÇÃO DE MULTAS POR ULTRAPASSAGEM DE DEMANDA

Demanda Contratada:

O Setor Elétrico sofreu profundas mudanças na relação concessionária-consumidor, com a implantação da Resolução Nº 456 de 29.11.2000 da ANEEL - Agência Nacional de Energia Elétrica.

Antes da nova Resolução, os Consumidores Convencionais não tinham a obrigatoriedade de ter uma Demanda Contratada junto a concessionária e, eram faturados, simplesmente pela maior Demanda entre a Demanda Medida no mês, a Demanda Contratada (se houvesse) e a Demanda equivalente a 85% da maior Demanda Medida nos 11 meses anteriores, agora, tudo mudou, todos os consumidores são obrigados a contratar ou recontratar uma Demanda mínina de 30 KW junto à concessionária e são faturados pela maior Demanda entre a Demanda Medida e a Demanda Contratada. Os que não contrataram, estão pagando uma Tarifa de valor três vezez maior que a Tarifa normal.

A definição da Demanda a ser Contratada deverá ser feita com muito cuidado, já que a Resolução estabeleceu uma Tarifa deUltrapassagem de valor equivalente a 3 vezes o valor da Tarifa Normal de Demanda para as Demandas Medidas que excederem acima de 10% à Demanda Contratada, logo, Demandas Contratadas mal dimensionadas, se super-dimensionadas acarretarão pagamentos por algo não usado e, se sub-dimensionadas, pagarão um custo muito elevado.

Envie para a EAS ENGENHARIA por email ( O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ), cópias das últimas 06 (Seis) faturas de energia elétrica da sua empresa que faremos uma analise da sua Conta e, emitiremos um "DIAGNÓSTICO EXPEDITO" que dará uma posição prévia sobre a existência ou não de multas por ultrapassagem de demanda contratada cobrados pela concessionaria de energia eletrica.


ELIMINAÇÃO DE MULTAS POR ENERGIA REATIVA EXCEDENTE ( BAIXO FATOR DE POTÊNCIA)

REATIVO EXCEDENTE.

O Setor Elétrico sofreu profundas mudanças na relação concessionária-consumidor, com a implantação da Resolução Nº 456 de 29.11.2000 da ANEEL - Agência Nacional de Energia Elétrica e, manteve a cobrança de multas para os consumidores que apresentarem baixo Fator de Potência.

Mas, o que é Fator de Potência? A grande maioria das cargas elétricas (motores, reatores de lâmpadas, etc) necessitam, além da energia ativa (aquela que é medida no final do mês em KWh e que você paga para a concessionária com o titulo de Consumo), de uma energia chamada de reativa para produzir os campos magnéticos para a "carga" funcionar, esta energia a concessionária não pode cobrar mas, como ela ocupa espaço nas linhas de distribuição, ela está limitada a um certo valor, representado pelo FATOR DE POTÊNCIA (Fp) e que não pode ser menor que 0,92 ou 92% (em percentual).

Fator de Potência baixo (ou excesso de circulação de energia reativa no seu sistema elétrico), além das multas que a concessionária cobra, trazem prejuízos a sua empresa, pois sobrecarregam os seus circuitos com correntes elétricas desnecessárias, produzem aquecimento nos isolamentos componentes elétricos podendo inclusive provocar suas queimas, diminuem a vida útil destes componentes, provocam queimas frequentes de lâmpadas, alteram a tensão provocando por conseqüência outros graves problemas, etc ou seja, é uma "coisa" indesejável tanto para a sua empresa como para a concessionária.

Estas multas aparecem na sua Fatura de energia elétrica com vários nomes.

                                                   Modelo de conta em Baixa Tensão                                                Modelo de conta em Média Tensão
                               conta baixa_tensãoconta reativo_cabine